Como saber se uma clínica de recuperação é Legalizada

Com a dependência química em alta na atualidade é comum que surjam os “espertinhos” que querem aproveitar da boa vontade de pessoas que estão no desespero para poder realizar a internação de alguém que está sofrendo com adicção ou alcoolismo em questão, sendo assim o Grupo de Reabilitação traz até você um artigo interessante sobre como saber se uma clínica de recuperação é legalizada.

Saber sobre a relevância de uma instituição é importante sobre como realizar o procedimento de internação na mesma, além do mais, como saúde não é algo com que se brinca com relação à dependência química, menos ainda, é interessante salientar trazer uma pessoa fragilizada emocionalmente e psicologicamente como um alcoólatra ou dependente para uma instituição que só irá piorar o quadro, é gastar um dinheiro a toa para que as atitudes posteriores sejam as mesmas, em poucas palavras, as mesma coisa que nada.

Por isso saber onde pisar no ramo da recuperação é importante para que se tenha um tratamento adequado, além do mais, estruturar os pilares da reabilitação dentro das instituições são de formas concretas algo que ao longo da vida, podem fornecer parâmetros importantes para que se tenha dignidade e não se reincidir no processo de recaída comportamental, que como consequência tem a substância na outra ponta do processo.

Estamos aqui para isso, para ensinar nossos leitores em como saber se uma clínica de recuperação é legalizada e se onde está realizando o tratamento não é fajuto. Posto isso o Grupo de Reabilitação vai deixar uma gama de dicas nessa matéria tão importante

Atente-se à relevância local ou na web sobre a instituição

Você já ouviu falar “diga-me com quem andas que eu direi quem tu és”, é um dito popular muito famoso, inclusive usado frequentemente por mães quando acham que seus filhos estão andando com quem não presta, entretanto quando a questão é o local que realiza o procedimento de institucionalização, deve-se pesquisar sobre a significância daquela clínica, ou seja, atente-se à relevância local ou na web sobre a instituição.

Quando se está no desespero, é comum estar fragilizado e aceitar qualquer tipo de negócio, é exatamente isso que os bancos fazem conosco, eles simplesmente sabem que quando recorremos a empréstimos e financiamentos podem colocar as taxas que forem necessárias que terão uma assinatura nossa ao final. Quando a questão é saúde, a mesma situação acontece, porque se trata de uma pessoa que amamos muito e que queremos tratamento.

Sendo assim, às vezes não fazemos uma busca específica e organizada ao ponto de colocarmos no papel o que importa, se cabe ou não no orçamento e se realmente é aquilo que necessitamos. Desta forma, vale ressaltar que o Grupo de Reabilitação traz um conjunto de anotações pertinentes em como saber se uma clínica de recuperação é legalizada e você não pode perder essas dicas:

impressaoEsse é um checklist como exemplo em que você poderá realizar a impressão do mesmo diretamente clicando aqui. Sendo assim poderá ao visitar uma instituição usá-lo para verificar a idoneidade da mesma, e também se assegurar que está realizando a internação de quem realmente precisa em um local seguro.

Ao imprimir o checklist e visitar a instituição, quanto mais check’s tiver a sua lista, mais requisitos a instituição terá ao atender suas solicitações e mais preparada a mesma estará com relação ao tratamento de pessoas que são dependentes químicas e alcoólatras.

Pesquisar especialmente nos CAPS inicialmente é interessante para saber como está a relevância dessas instituições, já que os Centro de Atenção Psicossocial, são lugares importantes para poder auxiliar e atender pessoas que precisam de ajuda neste quesito, então é comum que já saibam sobre os recursos terapêuticos locais.

Outra forma interessante é procurar avaliações positivas nas unidades básicas de saúde como postos de saúde, hospitais e depois recorrer a internet, isso independentemente se você é da cidade ou não. Além do mais, o Google está disponível para poder ajudar as pessoas que não conhecem o lugar, a saberem mais sobre.

Outra questão importantíssima e que está listada já inicialmente nos dois primeiros tópicos do checklist é a questão do apoio médico e psicológico local. A dependência química é uma doença que precisa de tratamento medicamentoso para amenizar processos de abstinência e consequentemente de tratamento psicológico para entender a dinâmica comportamental que está relacionada ao comportamento de uso com a substância.

Outra questão que é prioritária é a questão do uso de medicação, por exemplo, quem realmente faz a administração medicamentosa local, é a monitoria? Ou a enfermagem? Independentemente de quem a faz, a enfermagem deve fazer o controle de medicamentos e a organização dos mesmos, já que envolve vidas e tratamento.

Os outros recursos são prioritários também, mas podem variar de instituição para instituição, entretanto, outra questão relacionada para que atente-se à relevância local ou na web sobre a instituição mas que está no checklist e deve-se observar muito, especialmente se for realizada uma visita, é como está a aparência, saúde e comportamento das pessoas institucionalizadas. Isso é um reflexo da casa.

Independentemente da legalização, quem faz recuperação é o dependente

Como autor do Grupo de Reabilitação e dependente químico em reabilitação há um tempo, independentemente da legalização, quem faz a recuperação é dependente. Existem clínicas caríssimas, onde muitos dependentes vão para tirar férias das drogas, simplesmente para ficar limpos durante alguns dias, ou meses. Mas quando voltam para suas casas, suas famílias não veem a hora de internar novamente.

Entretanto, algumas pessoas que ficam com aquela interrogação em como saber se uma clínica é legalizada, justamente pela sua simplicidade, por terem sido tocadas com um choque de realidade, assim como no meu caso, despertam espiritualmente e entendem que a vida é simples, bela e que não se precisa de drogas para torná-la melhor.

A simplicidade da recuperação é você quem faz, é só parar de reclamar, abaixar o ego, ser resiliente, amar e ver quem realmente se importa com você. E aprender uma coisa, só sai da droga quem realmente quer, pois só uma pessoa pode dar uma basta, e essa pessoa é você.

Share:

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site usa cookies e solicita seus dados pessoais para melhorar sua experiência de navegação.