PROJETO TERAPÊUTICO

PROJETO TERAPÊUTICO

Cronograma diário

  1. Estabelecer regras na comunidade.
  2. Estabelecer regras para familiares.
  3. Divisão de grupos (como a instituição dispõe de muitos pacientes, pode-se dividir os pacientes em grupos, para melhor entendimento das temáticas dadas).Ex: Grupo de recém chegados, Pós 90 e Recaídos.

Tópicos de Planejamento

O PROJETO TERAPÊUTICO:

  1. Acolhimento (3 dias de estadia para voluntários e as normas vigentes para involuntários)
  2. Avaliação clinica e psicológica.
  3. Avaliação da enfermagem.
  4. Anamnese do paciente, e anamnese com familiares.

1ª Fase | Administração da abstinência. ( tratamento medicamentoso casos e obtenha respaldo psiquiátrico).

  1. Reconhecimento sobre causas e efeitos ( dependência física e psicológica)
  2. Conscientização
  3. Tratamento
  4. Intervenção motivacional
  5. Continua com o reconhecimento da doença.
  6. Introdução dos 12 passos ( carta de sofrimento ou carta de recaída).
  7. TRE e PPR.
  8. Passos e avaliações.

2ª Fase | Estabilização

  1. Planejamento de vida (objetivo a curto prazo, 70 a 90 dias).
  2. Abordagem Cognitivo Comportamental. ( psicológica e terapeuta ).
  3. Habilidade para resolução de problemas e problemas persistentes (recaídos).
  4. Habilidade para lidar com situações de risco.
  5. TRE E PPR.
  6. Passos e avaliações

3ª Fase

  1. Efeito da violação da abstinência.
  2. Planejamento pessoal do Programa de Prevenção de Recaída.
  3. Planejamento de vida médio e longo prazo.
  4. Conclusão ( feedback ao paciente e família).

OBSERVAÇÕES: na introdução dos passos e sugerido que o individuo siga as temáticas, avaliações e cartas. É sugerido o 4° passo na instituição.

Grupos

  • Recém chegados
  • Pós 90 (Fim do tratamento)
  • Recaídos ou PPR

O grupo dos recém chegados a partir do 10° ao 15° dia e dado a carta de sofrimento e é estipulada a data da entrega, ao mesmo tempo e pedido para família outra carta referente ao paciente.
Assim comparando as duas pode-se chegar a um consenso em equipe para viabilizar o tratamento do individuo. O paciente permanece no grupo do recém chegado até 90 dias


Recém chegados

  1. Quem é um adicto? ( resumo e feedback).
  2. O que é um programa de N.A? ( resumo e feedback).
  3. Por que estamos aqui? (resumo e feedback).
  4. 1° ao 3° passo. (avaliações e resumos).
  5. TRE, TCC.
  6. Conceitos de uso, abuso e dependência.
  7. Temáticas e dinâmicas.
  8. Cronograma

Em vista dos aspectos multifocais da adicção, e ressaltado o abuso de substâncias psicoativas, tanto pela freqüência de utilização quanto pelos danos causados ao usuário. Sendo possível a afirmação que o abuso de substâncias psicoativas são de classe bio psicossociais.
É necessário a identificação de padrões de comportamentos compulsivo, sendo provável que alguns desses comportamentos sejam desencadeados por fatores psicológicos, enquanto outros sejam motivados por fatores fisiológicos e bioquímicos, que possivelmente afetem o paciente de forma direta em seu tratamento.
Pois se faz necessário a conclusão do Plano de Prevenção de Recaída, com o propósito da identificação dos FRs e FPs, além da listagem dos sinais de aviso individuais, com o intuito do planejamento individual de cada paciente, para conclusão do ciclo de intervenção dentro da instituição, e se possível acompanhamento ambulatorial pós-tratamento.


PÓS 90 (Fim do tratamento)

  1. 4° ao 12° passo. (avaliações e resumos).
  2. TRE, TCC
  3. Intervenções motivacionais.
  4. Temáticas e dinâmicas.
  5. Conclusão do PPR.

OBSERVAÇÃO: a ressocialização pode contribuir com a identificação de possíveis dificuldades encontradas pelo paciente, contribuindo com a finalização do possível Plano de Prevenção de Recaída anteriormente citado.


Recaídos ou PPR

  1. Recuperação e recaída. ( resumo e feedback).
  2. Nós realmente nos recuperamos. ( resumo e feedback).
  3. Viver o programa. ( resumo e feedback).
  4. 1° ao 12° passo. ( resumos e avaliações).
  5. TRE, TCC .
  6. Intervenções motivacionais.
  7. Temáticas e dinâmicas.
  8. PPR e conclusão do PPR.

OBSERVAÇÔES: e possível abordagens motivacionais, com o intuito da identificação de padrões de pensamentos seletivos, possíveis dificuldades do grupo para com a programação, e principalmente a identificação dos estágios motivacionais de cada individuo.


SOBRE

Somos uma empresa que visa promover saúde e contamos com excelentes unidades de tratamento que atendem as necessidades de cada paciente. Mais que a obtenção de resultados, a satisfação do paciente e familiares é o nosso foco. Contamos com um corpo clínico altamente qualificado e preparado para atender todos os níveis de Dependência Química e comorbidades.

últimas postagens

CONTATO

Fixo: 11 4116.8001

WhatsApp e Vivo: 11 9 5639.3329
Nextel: 11 94743.9309

Tim: 11 95459.2525